terça-feira, 2 de fevereiro de 2010

Preciso estar firmemente pousada sobre algo ou alguém...
Abraços me seguram e eu me agarro...
Tenho medo da falta de gravidade...
Solta demais me perco,não vôo senão em sonhos...
Não tenho nada a ver com o que é dos outros,sejam roupas,gostos,opniões...
Não me escalo para histórias que não são minhas,não me envolvo com o que não me envolve...
Não tomo emprestado nem me empresto...
Se é caso sério eu me doo,se é bobagem eu me abstenho...
Tenho vida própria  e suficiente para lidar ,sobra pouco de mim para intromissões no que é ainda mais estranha do que eu mesma...