sábado, 4 de agosto de 2012

A gente tem que sangrar pra ser feliz

Estes tem sido os dias em que mais pensei em você, fico pensando na sua explendorosa passagem, Minha mãe e suas milhares de coisas sabidas...
Você e a sua falta de imediatismos e desnecessidades.
Você e todas as suas razões.

Você a melhor pessoa que eu já conheci, você que me trouxe até aqui e ainda me fez companhia. 
Você, responsável por essa saudade insana e desconcertante.
Você que me deixa parada cheia de um mundo seu em mim.
Você que enfiou essa fé no meu peito bem forte.
Você, motivo do descansar das minhas pernas.
Por você, não atropelo mais nada ou a mim mesma.

Aperto a minha mão e me levo pra onde eu quiser.


Viver não dói! 

A sua falta sangra, mas me fortalece...