domingo, 24 de julho de 2011

A sensação de ter que lidar com o desperdício... Isso eu ainda não aprendi...



apatia é a falta de emoçãomotivação ou entusiasmo. É um termo psicológico para um estado de indiferença, no qual um indivíduo não responde aos estímulos da vida emocional, social ou física. A apatia clínica é considerada depressão no nível mais moderado e diagnosticado como transtorno dissociativo de identidade no nível extremo. O aspecto físico da apatia se associa ao desgaste físico, enfraquecimento dos músculos e a falta de energia chamada letargia, que tem muitas causaspatológicas também.

(au.to.des.tru:i.ção)

sf.
1. Ação ou resultado de autodestruir-se (inclusive Fig.); degradação ou extinção de si mesmo: O álcool o levou à autodestruição.


Decadência...

Desperdício: Puro desperdício...






Sinto frustração como quando Renato Russo, Cazuza,Cassia Eller se foram assim ...Sofridos...
Sofri com perdas pessoais também da pessoa que eu mais amava e de outras que eu convivia e que aprendi a gostar...Essas pessoas, dependiam veemente de bebidas alcóolicas e desde ontem, desde a ligação qd recebi a notícia, enviada por alguém que sabia o quanto eu gostava dela, a minha cabeça dói...É uma dor fina, que quase não lateja e que aparece toda vez que eu não consigo entender tanta dor no coração de algumas pessoas...Fico me perguntado o que move um ser humano a se destruir, a desistir, sigo assim por dias na tentativa de mensurar a dimensão da dor que se instala no coração de algumas pessoas tão sensíveis...
Tento associar suas perdas a essa intensidade de sentimentos, a essa necessidade de saírem de órbita, de se anestesiarem...De não conseguirem suportar sequer um segundo de dor...Ao mesmo tempo, faço comparações ligadas a minha resistência e ao meu equilíbrio...E ao fim de tantas suposições permaneço norteada de dúvidas onde imagino que talvez eu não seja mais forte, talvez, algumas pessoas sejam mais sensíveis e eu ainda por sorte ou sei lá o q , tenha sido composta de substância e elementos mais frios, impenetráveis...Não sei...



O que eu sei hoje, o que eu sinto hoje e o que me tocou desde ontem foi essa sensação de impotência...
A sensação de ter que lidar com o desperdício...

Isso eu ainda não aprendi...




Beijos a todos , sem excessão...