quinta-feira, 20 de janeiro de 2011

Todas as peças foram colocadas nos buracos errados...



Tudo estranho...

Você sabe...

É como se fosse aqueles brinquedos para crianças de seis meses a dois anos onde o objetivo é encaixar as peças redondas no buraco redondo, as quadradas no buraco quadrado e as triangulares no buraco do triângulo...
É.
Sinto como se a gente fosse meio autista nessa brincadeira e as peças todas colocadas nos buracos errados...
É difícil para nós lidar com brinquedos pedagógicos ao mesmo tempo em que seríamoss capazes de resolver equações de quinto grau num piscar de olhos...
E juntos...
Esquisito, não acha? Tudo o que é estrutural nessa brincadeira nos derrota...
Mas, sabe, acho que podemos aprender a brincar melhor, afinal de contas, somos adultos e já conhecemos as coisas do mundo...
Sabemos falar sobre a essência do amor e a limitação das pessoas, discutimos a religião do mundo e as coisas da alma...
E eu, tão reservada, deixei que vc me  conhecesse aos pouquinhos, com medo e desconfiança, mesmo negando tudo isso... vc viu coisas aqui dentro que eu nem poderia imaginar. Gostei...
Vc já disse que queria ser a minha casa...
Acho que o aluguel foi pesado demais pra mim, né?
Eu do meu lado disse que  queria sentar no seu colo para que você me levasse pro seu planeta...
Talvez eu tenha emagrecido  muito e você não me sentiu nas pernas...
Também  né? vc disse que me amava... Fiquei com tanto medo que só consegui dizer "é?".
É mesmo?
Vou puxar da memória todos os meus livros sobre amor verdadeiro e contestar tudo o que  ouvi de vc... 
Estou pouco me fudendo...

Sabe que eu até poderia consertar td isso? Juro que um dia eu tento...
Eu também poderia comprar uma caixa de Red Bull, se você me der um bom motivo pra ficar acordada de madrugada...

Eu poderia até fazer vc entender o fato de eu não conseguir atender o celular...as suas mil ligações perdidas , já que nós dois não nos entendemos muito bem...nunca sei onde eles estão...

E também até tentaria buscar uma explicação racional para a m mania de atraso...

Eu tenho a certeza de que um dia  saberei como é bom ter uma vida prática e que complicação não é nada legal...

Enfim, eu poderia ouvir suas reclamações do mundo durante horas e achar graça de quando você dorme falando no telefone enquanto eu fico muda ao telefone...

Eu poderia querer você comigo e te dar a certeza de que podemos crescer juntos... 
A vida seria um pouco mais divertida e eu poderia enfiar o dedo no meu nariz a qualquer hora...

A vida é engraçada mesmo...

Você me fez pensar em muitas coisas sobre as quais eu nem fazia idéia e, olha, é fato que eu sou uma pessoa bem melhor...
Vi que os amigos de verdade se contam nos dedos e isso me aproximou de quem realmente faz a diferença na minha vida...

E enquanto a vida passa, você também poderia continuar me dando seu amor...

E me acordando de madrugada, talvez ouvindo uma resposta mal humorada de quem dorme pesado assim meio q do nAda.... Mas te garanto, eu estaria disposta a resolver todos os problemas e a fazer por merecer a sua companhia...

Te daria tudo ...

Se eu quisesse...

Eu poderia, um dia...










Poderíamos, quem sabe...