segunda-feira, 6 de abril de 2009

Me sinto um lixo por ser tão certinha...tão general...tão adequada...e por exigir isso das pessoas...me sinto péssima qd eu te vejo c essa cara de cachorro q caiu do caminhão da mudança...me sinto terrível,uma bruxa,um monstro,uma tirana,déspota...sinto um arrependimento dusinfernus...onde eu ligo o botãozinho do foda-se?
moço...dai de cima vim c defeito..num acho!!!
socorro!!!!

Em minha realidade, perdão é algo que as pessoas pedem e concedem deliberadamente... Em minha realidade ninguém grita... Palavrões são permitidos, claro, mas por esporte... Em minha realidade, o que você pensa vale mais do que o que você veste... Em minha realidade o som não pára e a tevê não funciona... Em minha realidade só se come comida caseira... Em minha realidade ninguém se forma se não tirar 10 em bons modos... Em minha realidade as cores são celebradas, todas elas... Em minha realidade, carro só em extrema necessidade... Em minha realidade, cada família tem no mínimo um bichinho de estimação... Em minha realidade não existe despertador – a gente acorda com a luz do Sol... Em minha realidade ninguém responde pergunta nenhuma antes de um intervalo de pelo menos um minuto, que é para dar tempo de pensar ...Em minha realidade os abraços são frequentes e sempre apertados... Em minha realidade você veste sua melhor roupa hoje, pois só existe o hoje...Em minha realidade, n se dorme c louça na pia... Em minha realidade, presente vem acompanhado de bilhete, boa noite vem acompanhado de beijo e eu te amo, de eu amo mais...
Cresci inda não...num me encaixo nesse mundinho louco...