terça-feira, 22 de maio de 2012

O cretino


Ele era um cretino, um cretino cruel e teimoso. Simplesmente um cretino.
Mas era um cretino que sabia o que queria. Manteve a palavra e provou que quando se quer algo com toda a força, se tiver determinação e paciência o bastante, acabará acontecendo.

Obrigada.